A Porsche Design traz o Piano do futuro para o presente

Conhecida por criar pianos fáceis de transportar para músicos clássicos, a Alpha Piano, acaba de revelar a sua última obra prima, o mPiano, criado em colaboração com a Porsche Design.

Controlado puramente por MIDI digital, o mPiano usa operadores mecatrónicos com 88 teclas que permitem ao músico ajustar a sua resistência, a fim de reproduzir tudo, desde um grande Steinway a um orgão de tubos Casavant Opus.

As teclas sensíveis à pressão também apresentam polifonia após toque, onde o vibrado e volume pode ser modificados, deslizando o dedo para cima e para baixo numa tecla. Um iPad serve de interface para o mPiano, através de um dos quatro perfis diferentes que podem ser definidos no aparelho com um simples toque.

Embora o preço ainda seja desconhecido, o mPiano já ganhou um Prémio, “Red Dot Design” e Lady Gaga já encomendou uma unidade para a sua próxima tour.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

Artigos Relacionados
A escritora e primeira romancista moçambicana Paulina Chiziane sagrou-se vencedora da 33ª edição do maior prémio da literatura portuguesa, designada "Camões". Oito anos depois, o prémio, avaliado em 100 mil euros, volta a Moçambique.
Este ano, o evento corporizou uma forma de disseminar oportunidades junto de jovens negros e introduziu, assim, uma verdadeira mudança de paradigma no setor têxtil português. Foram vários os talentos africanos que pisaram a passerele. A locomotiva que deu origem a este acontecimento foi a parceria realizada entre o Lulubell Group, a African Export-Import Bank e a ANJE (National Association of Young Entrepreneurs).
Foi há mais de um ano que a longa-metragem sobre o assassinato de Alcindo Monteiro, ocorrido há 26 anos, começou a ser rodada. A película estreia-se finalmente no próximo domingo, 24, às 19h, na Sala Manoel de Oliveira do Cinema São Jorge. O filme faz parte da programação do DocLisboa.