Insólito: Avô vai buscar o neto à escola e engana-se na criança

Chegou à escola como habitualmente e viu o neto ali à mão. Deu-lhe um abraço e perguntou se o rapaz estava pronto a ir para casa. O miúdo disse que sim e quando uma assistente lhe perguntou se aquele era o avô, o menino confirmou. Seguiram os dois para casa, em Orangeburg, county do estado da Carolina do Sul (EUA).

E foi só então que Joseph Fuller se apercebeu de que tinha levado uma criança que não era o seu neto. Embaraçado, apressou-se a devolver a criança à escola primária de Edisto e pediu desculpa pelo engano, que aconteceu no final de Maio.  “A criança que eu trouxe era muito parecida com o meu neto. Foi um erro sem intenção”, explicou o avô a uma televisão local.

O pai da criança levada por engano critica a escola por ter permitido que o filho fosse levado por um estranho, mas diz que o caso pode ser pedagógico: “Espero que os pais e a escola aprendam com este episódio, para que não se repitam situações destas”. A escola anunciou que está a rever as regras de entrega das crianças aos pais e familiares e promete que será mais rigorosa neste processo.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Artigos Relacionados
O projeto é uma viagem de 19 temas a um estado de espírito focado na concretização dos seus desejos mais magnânimos. Mind Frames representa a luta que envolveu o processo de produção deste projeto, que inclui as vitórias, derrotas, a aprendizagem e o mind set.
núncio foi feito num comunicado da MIPAD, durante a cerimónia de nomeação das personalidades, que aconteceu no início deste mês, logo após a abertura da 76ª Assembleia Geral de organismo internacional, que decorre desde Setembro.
Apesar da pandemia do coronavírus ter parado o mundo por completo e inclusive, as apresentações públicas em eventos culturais, os músicos optaram por focalizar forças para as plataformas de streaming, que passou a fazer parte da lista de táticas de rentabilização no mundo.