Twitter decretou fim do Vine

O Twitter anunciou esta quinta-feira o fim do Vine, aplicação que permite criar pequenos clips de vídeo em loop.

O Vine vai desaparecer das lojas nos próximos meses, mas o website – vine.co – vai manter-se activo, para que os usuários possam baixar os seus vídeos.

O Twitter comprou a empresa no final de 2012, mas esta acabou por não sobreviver à concorrência com as mesmas funções, como o Snapcht e o Instagram.

Apesar da popularidade do formato, no início a aplicação nunca ganhou a fama que podia ter ganho, tendo inclusive surgido páginas no Facebook com milhares de seguidores onde eram partilhados vines extremamente engraçados mas sem qualquer ligação ao Vine ou ao Twitter. Em Junho, o Vine tinha anunciado algumas novidades como vídeos mais longos que 6 segundos, mas nem essa mudança ajudou no aumento de popularidade.

O fim do Vine surge num contexto conturbado para o Twitter. A empresa anunciou também nesta quinta-feira o despedimento de 9% dos seus funcionários, uma percentagem correspondente a 350 pessoas.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Artigos Relacionados
Mynda Guevara já tinha-nos avisado que tem imensos trabalhos escritos e gravados, prontos a serem lançados. Na altura em que a entrevistá-los, disse-nos que estava só à espera para gravar alguns videoclipes e dar início ao lançamento dos primeiros singles.
E agora, Jimmy P, irá lançar no próximo dia 1 de outubro, o EP, onde mostra uma linguagem musical diferente por parte do artista.
Nesta quinta edição, o programa pretende selecionar dez promotores de projetos de base tecnológica, que irão representar Cabo Verde no referido evento.