“Karta d’Alforia” de Helio Batalha está quase a chegar

Helio Batalha está a poucos dias de lançar Karta d’Alforia, o seu primeiro álbum de originais. Depois de ter vencido os prémios Revelação e Melhor Hip hop/R&B dos Cabo Verde Music Awards, esta é a primeira mostra de trabalho do rapper que tem dado que falar no movimento hip hop do arquipélago.

Karta d’Alforia é um retrato das “privações sociais e das amarras do sistema, opressoras da sociedade, numa resposta de liberdade através do amor”, explica-nos Hélio. O álbum é composto por 18 faixas com participações de peso como do pilar da música tradicional cabo-verdiana Zeca de Nha Reinalda, Ravidson, Onel, Dogson, C James, Dhy de Paula, Rider Vaz, Alberto Koenig, Fattú Djakité, Vado Mas Ki Az e Kiddey Boz.

Quanto à produção, Helio pôde contar com as participações de DC Pro, Golbeats, Bandida Beats, Alferry, Rokus Beats, VT Beats e G Angel Beats.

Para já, podes ficar com o single “NKre Tem”, um dos três de promoção de Karta d’Alforia.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

Artigos Relacionados
A escritora e primeira romancista moçambicana Paulina Chiziane sagrou-se vencedora da 33ª edição do maior prémio da literatura portuguesa, designada "Camões". Oito anos depois, o prémio, avaliado em 100 mil euros, volta a Moçambique.
Este ano, o evento corporizou uma forma de disseminar oportunidades junto de jovens negros e introduziu, assim, uma verdadeira mudança de paradigma no setor têxtil português. Foram vários os talentos africanos que pisaram a passerele. A locomotiva que deu origem a este acontecimento foi a parceria realizada entre o Lulubell Group, a African Export-Import Bank e a ANJE (National Association of Young Entrepreneurs).
Foi há mais de um ano que a longa-metragem sobre o assassinato de Alcindo Monteiro, ocorrido há 26 anos, começou a ser rodada. A película estreia-se finalmente no próximo domingo, 24, às 19h, na Sala Manoel de Oliveira do Cinema São Jorge. O filme faz parte da programação do DocLisboa.