Crush do dia: “Mandume”, o novo vídeo de Emicida

Resistência negra, Ubuntu, Feminismo das Pretas, o significado do poder de Mandume, musas de carapinha. Mistura tudo e o resultado é identidade africana ao mais alto nível. Assim é “Mandume”, a música de Emicida que acaba de ganhar um videoclipe.

A faixa faz parte do álbum Sobre Crianças, Quadris, Pesadelos e Lições de Casa, de 2015, do rapper brasileiro. Na letra, palavras pesadas de reflexão sobre a História negra, racismo, machismo, feminismo e desigualdade social. Como se não bastasse o “sonzaço”, ainda há um vídeo que acompanha na perfeição as lyrics. A direcção ficou a cargo de Gabi Jacob e atende aos pedidos de representatividade negra na comunicação social. Drik Barbosa, Guilherme Gan, Karol de Souza, Rico Dalasam, Mel Duarte e Jonathas Ribeiro são os nomes fortes do activismo negro brasileiro e que dão a cara e voz a esta faixa poderosa de Emicida.

“A história de ‘Mandume’ [(1894-1917), líder da resistência contra a ocupação colonial portuguesa no sul de Angola] fala sobre resistir e vencer. Esses pontos são comuns na vida de muitos brasileiros e brasileiras. Todos os dias, há tempos, o que fazemos é sacudir a poeira e dar a volta por cima. Tenho um sonho antigo, de a TV e o entretenimento em geral serem um espelho das calçadas. Sempre produzimos vídeos pensando nisso, e ‘Mandume’, com a Gabi Jacob, vem na mesma pegada. Estou muito feliz por cada uma das participações no projeto, cada uma das pessoas ali é um universo de criatividade e força incrível, trazendo uma homenagem à altura ao grande rei Mandume e a cada um dos que resistem dia após dia nas ruas desse mundão!”, escreveu o rapper numa mensagem de apresentação do videoclipe.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Artigos Relacionados
+ do Mesmo de Deezy, foi lançado no dia do seu aniversário, 9 de abril, é a primeira parte do seu álbum, que é um projecto com nove faixas e que marca a projeção da sua carreira a solo.
Para a BANTUMEN Podcasts, Maria Barbosa esteve à conversa com a modelo e atriz sobre cabelos, onde Ana Sofia deu a conhecer as raízes por trás do seu afro e como tem sido o seu percurso de descoberta na pele de mulher negra de identidade miscigenada.
Soarito acabou de lançar “Desabafo”, um ghetto zouk de amor que traz um “cheirinho” daquele que será o seu primeiro EP. Em exclusivo para a BANTUMEN, o artista angolano revelou que o projeto que vai ter o título de Caixa Azul. “Desabafo” aterra com clipe oficial e o EP vai estar disponível no próximo mês.