Garina do Dia: Alicia Aylies, a beleza afro-descendente no Miss France 2017

Este fim-de-semana foi marcado pelos concursos Miss em vários países. Em Angola, ganhou a bela Lauriela Martins, de quem falámos aqui, mas vamos agora dar-vos a conhecer a igualmente esplêndida Alicia Aylies, Miss França 2017.

Este ano, vimos a africanidade ser afirmada orgulhosamente de várias formas. Os afro-descendentes começam a exibir com orgulho as suas raízes e aos poucos começamos a ter cada vez mais representantes em posições de destaque. Podíamos aqui falar do Luke Cage ou da Riri Williams, mas vamos falar da Miss França 2017, Alicia Aylies.

Em quase 50 anos do concurso de beleza, os gauleses viram ser coroada uma miss negra apenas quatro vezes. A última foi Alicia Aylies, eleita Miss Guiana em 2016 e que na final, que teve lugar este sábado, 17, levou a coroa da mais bela de França.

Com 18 anos, Alicia mede 1,78m, está a cursar o primeiro ano de direito e desde o início que era tida como a preferida do concurso. A jovem é manequim desde os 16 anos, quando foi descoberta pela agência de modelos Mannky’n Agency, na Guiana, uma das regiões ultramarinas francesas.

Desde então, Alicia tem desenvolvido a sua cultura geral, elocução e condição física com o objectivo de vencer o Miss France. O sacrifício é algo a que está habituada. A prática de exercício físico não lhe impõe qualquer sacrifício, visto que pratica esgrima desde os quatro anos.

Uma das iniciativas a colocar em prática durante o seu reinado é “o acesso ao desporto para todos, principalmente para as pessoas de mobilidade reduzida. É um meio de conquista valores de tolerância e de solidariedade, de se iniciar ao bem viver em conjunto e de ultrapassar as diferenças”, explicou durante o concurso.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Artigos Relacionados
Mynda Guevara já tinha-nos avisado que tem imensos trabalhos escritos e gravados, prontos a serem lançados. Na altura em que a entrevistá-los, disse-nos que estava só à espera para gravar alguns videoclipes e dar início ao lançamento dos primeiros singles.
E agora, Jimmy P, irá lançar no próximo dia 1 de outubro, o EP, onde mostra uma linguagem musical diferente por parte do artista.
Nesta quinta edição, o programa pretende selecionar dez promotores de projetos de base tecnológica, que irão representar Cabo Verde no referido evento.