Designer angolana vai criar colecção para a marca IKEA

Paula Nascimento, arquitecta e designer angolana, faz parte da lista de criativos africanos escolhidos para desenvolver uma nova colecção de mobiliário e decoração de inspiração exclusivamente africana para a gigante sueca IKEA.

A linha vai ser lançada em 2o19 e o projecto faz parte de uma parceria com o Design Indaba 2017, que vai acontecer de 1 a 4 de Março, na África do Sul.

Marcus Engman, director de design da IKEA, falou sobre o projecto que aí vem. “A explosão criativa que está a tomar forma em várias cidades africanas neste momento é algo que despertou curiosidade na IKEA. Queremos aprender com isto e espalhá-lo pelo resto do mundo”, disse, citado pelo site do Design Indaba.

Além de Paula Nascimento, a equipa reúne colaboradores da África do Sul, Quénia, Senegal, Egipto, Costa do Marfim e Rwanda.

Paula Nascimento integrou a equipa responsável pelo projecto do pavilhão de Angola, na Expo Milano 2015, que lhe garantiu o prémio Women for Expo, e é ainda directora-fundadora do Beyond Entropy Africa, um estúdio fundado e baseado em Londres, desde 2010, que se dedica à investigação e prática da arquitectura, urbanismo, arte contemporânea e análise cultural.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

Artigos Relacionados
A escritora e primeira romancista moçambicana Paulina Chiziane sagrou-se vencedora da 33ª edição do maior prémio da literatura portuguesa, designada "Camões". Oito anos depois, o prémio, avaliado em 100 mil euros, volta a Moçambique.
Este ano, o evento corporizou uma forma de disseminar oportunidades junto de jovens negros e introduziu, assim, uma verdadeira mudança de paradigma no setor têxtil português. Foram vários os talentos africanos que pisaram a passerele. A locomotiva que deu origem a este acontecimento foi a parceria realizada entre o Lulubell Group, a African Export-Import Bank e a ANJE (National Association of Young Entrepreneurs).
Foi há mais de um ano que a longa-metragem sobre o assassinato de Alcindo Monteiro, ocorrido há 26 anos, começou a ser rodada. A película estreia-se finalmente no próximo domingo, 24, às 19h, na Sala Manoel de Oliveira do Cinema São Jorge. O filme faz parte da programação do DocLisboa.