Barry Jenkins arrives at the Vanity Fair Oscar Party on Sunday, Feb. 26, 2017, in Beverly Hills, Calif. (Photo by )

O discurso que o director de “Moonlight” não pôde fazer durante os Óscares

A trapalhada que aconteceu durante a entrega do óscar de Melhor Filme a Moonlight impediu o director Barry Jenkins de fazer o seu discurso de agradecimento. Três dias depois, chegam-nos agora aquelas que teriam sido as suas palavras depois de receber a estatueta.

“Eu sou esse miúdo [Tarell Alvin McCraney]. Nós somos Chiron. E vocês nunca pensariam que esse miúdo crescesse para ser nomeado para oito prémios da Academia. Não é um sonho que ele tenha tido permissão para ter. Ainda sinto isso. Nunca pensei que fosse possível. Mas agora olho para as outras pessoas que olham para mim e se eu não achar que é possível como é que elas vão achar? E agora aconteceu. O que eu penso sobre possibilidades, é: vamos tirá-la da mesa. Isto [a vitória] acabou de acontecer.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Artigos Relacionados
O renomado fotógrafo moçambicano Mário Macilau vai estar pela primeira vez em Lisboa, par apresentar a exposição individual Sombras do Tempo. A inauguração da exposição acontece no dia 23 de setembro, às 18 horas, no número 14A da Rua João Penha.
O artista angolano Edson Chagas está a expor um novo projeto fotográfico na galeria de arte Insofar, em Lisboa. Com fotografias captadas em 2011 e a curadoria de Inês Valle, a exposição Muxima marca a primeira exposição individual do artista em Portugal.
Para está quarta-feira 22 de Setembro, às 21h30, no Estúdio Time Out em Lisboa Tekilla vai traz consigo três convidados muito especiais: Dino D'Santiago, Amaura e Ana Semedo!