Patche di Rima
Foto de Inês Seba / BANTUMEN

Patche di Rima assina contrato com editora norte-americana

Patche di Rima tornou-se o primeiro músico lusófono a assinar com a editora nova-iorquina Rehegoo Music e fica com um contrato de representação no mundo inteiro. O cantor guineense assinou com a editora depois de lançar o disco Maratona de Amor.

A editora Rehegoo Music associou-se, desde o início de 2019, ao lendário compositor e produtor discográfico Quincy Jones, que soma 28 Grammys e foi responsável pelos maiores sucessos de Michael Jackson, designadamente o álbum Thriller, o disco mais vendido da história da música pop.  

Apatche Liga Co ou como todos o conhecem Patche di Rima é já considerado uma das vozes incontornáveis da música guineense, tendo conquistado, com um percurso particular e um estilo muito próprio, um lugar cimeiro nas vozes da lusofonia. Nesse sentido, o contrato com uma editora norte-americana é mais um marco numa carreira que só tem conhecido o sentido ascendente.

Refira-se ainda que, 2019 já tinha ficado marcado pelo regresso do artista às edições discográficas. Maratona de Amor é o nome do terceiro trabalho de originais – lançado com a chancela da RTP África – que testemunha e exalta a história, a cultura e a diversidade de uma nova Guiné-Bissau.

Para já, o plano é tocar. Alguns dos concertos da tour internacional Nha Noiva já estão marcados. Depois de uma curta passagem pelo Reino Unido, Patche di Rima irá atuar no próximo dia 20 de Julho em Madrid e no dia 27 em Hamburgo, na Alemanha. Em Agosto, cantará no dia 17 em Lisboa e no dia 24 em São Paulo, no Brasil. Em Setembro, atuará em Campinas [Brasil], Fortaleza [Brasil], Rabat [Marrocos] e Cardiff [País de Gales]. Mas há mais atuações. Consulte as datas de concertos, os respetivos locais e os preços dos bilhetes na página oficial de Facebook e Instagram do músico.

Tânia Jesus
Tânia Jesus
"Nasci no ano que o telescópio Hubble foi lançado. Mas, à medida que ele comprovava que "lá em cima há planícies sem fim", mais eu acreditava que cá em baixo há um mundo por contar. Nos últimos anos, tenho-me dedicado a contar estórias de, e sobre, os PALOP. Ser jornalista é a minha paixão, o sonho é contribuir para um mundo mais justo. Vamos a isso?"

Deixa-nos a tua opinião

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Artigos Relacionados
O anúncio foi feito na página oficial da distribuidora Altafonte, que divulgou também alguns testemunhos dados pelos membros da Gang, primeiramente acerca do processo criativo da obra.
Na altura em que o programa Equal celebra 6 meses, o Spotify, a maior plataforma de áudio em streaming do mundo, elege Soraia Ramos como artista Equal de outubro em Portugal. Equal é uma iniciativa global que promove a igualdade de género, selecionando uma artista feminina todos os meses por cada mercado, maximizando a sua visibilidade e promovendo o seu crescimento na indústria através da plataforma.