DJ Faya

Já está acontecer “Winter Tour”, a turné de Dj Faya

Durante o mês que celebra África acontece a “Winter Tour” de Dj Faya. O moçambicano já esteve a tocar na África do Sul, em Joanesburgo, e na Cidade do Cabo e vai estar, a partir do próximo fim de semana, a apresentar o seu trabalho em Kinshasa, na República Democrática do Congo.

A “Winter Tour” começou nesta segunda quinzena de maio e o artista já passou por algumas casas sul-africanas como Saint, na Cidade do Cabo, e a partir do dia 27, vai estar no Platinium Lounge, em Kinshasa.

No Congo, o DJ terá a oportunidade de fortalecer laços, ter encontros com diversos artistas contemporâneos para troca de experiências artísticas e não só.

Com esta turné, o DJ moçambicano leva na bagagem toda a sua experiência, paixão e a sua música que destaca o amor e orgulho de ser africano e moçambicano.

Dj Faya é Fayaz Hamide, um DJ e produtor musical moçambicano que começou a carreira artística em 2000. Desde cedo que Faya tem chamado a atenção dos promotores e organizadores de eventos, passando por várias casas de renome em Moçambique, Portugal e Angola e colaborando com diversos outros artistas da house music à kizomba.

Relembramos o seu último projeto, Dj Faya tem disponível o primeiro volume do seu projeto musical intitulado Ta Comprovado. Lançado em 2019, o projeto conta com 13 faixas musicais e reúne nomes sonantes da música moçambicana como Nuno Abdul, Cláudio Ismael, Mimae, Rainha da Sukata e outros.

Recentemente, o artista lançou a música “Teu Toque”, com a participação da cantora cabo-verdiana, Dina Medina.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

Bruno Dinis
Bruno Dinis
Carrego a cultura kimbundu nas minhas veias. Angolanidade está presente a cada palavra proferida por mim. Sou apologista de que a conversa pode mudar o mundo pois a guerra surgiu também de uma. O conhecimento gera libertação e libertação gera paz mental, por tanto, não seja recluso da ignorância.

Deixa-nos a tua opinião

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Artigos Relacionados