Os artigos mais clicados da semana | 13 a 19 de Jun

Reza a tradição que domingo é dia de se saber quais os artigos mais lidos na BANTUMEN. Começamos com o Ministério Público português que pediu 22 anos de prisão para o assassino de Bruno Candé; segue-se a nossa entrevista à empreendedora de sucesso brasileira Monique Evelle; a disponibilização do primeiro álbum de Tio Edson; a marca Reframd que produz óculos personalizados adaptados ao tipo de nariz africano e, por fim, a entrevista a Bala G.

Ministério Público pede 22 anos de prisão para assassino de Bruno Candé

O Ministério Público (MP) pediu esta sexta-feira uma pena não inferior a 22 anos de prisão efetiva para o homem acusado por homicídio qualificado de Bruno Candé, baleado em julho do ano passado na Avenida de Moscavide, em Loures.

Monique Evelle, líder do empreendedorismo negro lusófono que potencia a comunidade

Jornalista, empreendedora e investidora, na sua longa lista de feitos destacam-se o facto de ser um dos pilares do início do mercado de conteúdo e influência no Brasil, a publicação do livro Empreendedorismo Feminino: olhar estratégico sem romantismo (Memória Visual); ser sócia da Sharp, um hub de inteligência cultural e, agora, a sua mais nova empresa, a Inventivos, foi selecionada para receber um investimento do Black Founders Fund, uma iniciativa do Google para investimento em startups fundadas e lideradas por empreendedores negros e negras.

“Neto do Velho Chimbungo”, primeiro álbum de Tio Edson, está finalmente disponível

A Torcida do Grémio (fãs da TRX Music) já pode fazer a festa, pois acabou de sair Neto do Velho Chimbungo, o primeiro álbum de originais de Tio Edson.

Agendado inicialmente para o dia 27 de maio, o projeto saiu três semanas depois da data anunciada. O projeto já tinha sido prometido no “L.P. Freestyle”, o último single colaborativo com o seu comparsa Most Wanted. “Junho não acaba sem lançar o meu álbum. Se não lançar, juro vou vazar esse mambo”, disse o rapper.

A Reframd cria óculos de sol adaptados aos narizes africanos

Cerca de 4,5 mil milhões de pessoas vêem mal no mundo, segundo um estudo da marca ocular Essilor. Estas 4,5 mil milhões de pessoas têm fisionomias diferentes mas a grande maioria dos óculos são projetados de acordo com características nasais caucasianas.

Bala G, apesar das porradas da vida o foco é só um: vencer na música

Bala G, nome artístico de Davidson Monteiro, é um rapper cabo-verdiano, residente em Portugal, que está na luta da afirmação dentro do movimento hip hop tuga há mais de dez anos.

Nascido em São Vicente, Cabo Verde, em ’94, o artista mudou-se para Portugal em 2007 com um dos seus dez irmãos – Bala G é o mais novo. Apesar do interesse pela música ter despertado muito cedo, as oportunidades só lhe apareceram em Portugal, quando gravou pela primeira vez, em 2011.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

Artigos Relacionados
Com sete anos de carreira, Boy Lundy carrega consigo o sonho de influenciar novas vozes, trabalhar na música de forma profissional, mostrado que é possível criar sustento e viver da arte e enriquecer a arte moçambicana, assim como o movimento hip-hop.
Da Soul acabou de levar o seu último álbum, Liberdade de Expressão, à loja FNAC de Almada, com uma apresentação ao vivo e sessão de venda e autógrafos. O projeto foi lançado em agosto, estando disponível em lojas físicas FNAC e através das plataformas de streaming de áudio.
Já está a acontecer a Feira Internacional de Negócios da Moda, no Palácio de Ferro, na baixa de Luanda. A cerimónia de abertura começou com uma mesa redonda, com a participação de nomes já bem conhecidos da indústria fashion angolana, como Rose Palhares e a escritora e consultora de imagem Marleyh Selo. A moderação foi feita pela apresentadora Dinamene Cruz.