Tik Tok acusado de impedir engajamento de usuários com os termos “Black” e “Black Lives Matter”

A Forbes lançou o “alerta”. O Tik Tok tem influenciado negativamente o engajamento de utilizadores que mencionem black e black lives matter nos seus perfis. A observação foi constatada pelo norte-americano Ziggi Tyler, quando este decidiu atualizar a sua biografia na nova opção do aplicativo, o Creator Marketplace, responsável pela conexão entre criadores e marcas.

Tyler, que usa o Tik Tok e outras plataformas para mostrar os seus conteúdos de comédia, usou os termos Black, Black Lives Matter e Black Support e acabou por descobrir o inusitado. A app não permitia que incluísse as palavras, caracterizando-as como conteúdo impróprio e tornando impossível de ser publicado na sua nova biografia.

Segundo a Forbes, o TikTok não negou o acontecido e pronunciou-se dizendo que o algoritmo de moderação de conteúdo no seu novo seguimento é um processo em andamento, considerando este ainda defeituoso e que as alterações nas biografias ainda não possam ser corrigidas.

A revista escreve ainda que este problema arrastou-se até à última quarta-feira, uma vez que a app continuava a bloquear qualquer pessoa que atualizasse a biografia com os referidos termos. O Tik Tok explica que o algoritmo barrou as frases também porque Tyler escreveu a palavra audience [audiência] na sua bio, tendo a inteligência artificial sido desenhada para sinalizar combinações de palavras que contenham die [morrer] e black e Black Lives Matter, por serem (talvez) conotadas como um possível discurso de ódio.

@ziggityler

##greenscreenvideo I’m going live in 30 minutes to answer questions. Y’all need to get this message out. Please. ##fypシ ##fyp ##wrong ##justice

♬ original sound – Ziggi Tyler

“As configurações do TikTok Creator Marketplace, que sinalizam frases normalmente associadas a incitação ao ódio, foram erroneamente configuradas para sinalizar frases sem respeitar a ordem das palavras”. “Reconhecemos e pedimos desculpas pela experiência [de utilização de Ziggi Tyler]que foi frustrante”, disse o porta-voz da rede social à Forbes.

Tyler acha que a explicação da app é enganosa pois tudo indica que “poderia escrever ‘neo nazi’ e ‘supremacia branca’ sem problemas”, além de que tentou escrever novamente “Black Lives Matter” e não teve sucesso.

Como consequência pela tentativa de inscrição das palavras na sua biografia, Tyler alega que os seus vídeos não podem ser partilhados no TikTok nem em aplicações como Stitch e Duet, que permitem repostar vídeos de outros influenciadores dentro do Tik Tok. Contudo, a app nega ter desativado as opções de partilha, acrescentando que apenas o usuário pode fazer tal alteração.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

Bruno Dinis
Bruno Dinis
Carrego a cultura kimbundu nas minhas veias. Angolanidade está presente a cada palavra proferida por mim. Sou apologista de que a conversa pode mudar o mundo pois a guerra surgiu também de uma. O conhecimento gera libertação e libertação gera paz mental, por tanto, não seja recluso da ignorância.

Deixa-nos a tua opinião

Artigos Relacionados
Foi há mais de um ano que a longa-metragem sobre o assassinato de Alcindo Monteiro, ocorrido há 26 anos, começou a ser rodada. A película estreia-se finalmente no próximo domingo, 24, às 19h, na Sala Manoel de Oliveira do Cinema São Jorge. O filme faz parte da programação do DocLisboa.
Mas como interagir com alguém que fala um idioma que desconhecemos? Danny Manu, um britânico de origem ganesa, criou a solução. Os Clik by Mymanu são uns fones de ouvido, sem fios, que podem traduzir vários idiomas automaticamente.
Este ano, a artista celebra 25 anos de carreira e mostra a fibra de que é feita, eclética, surpreendente e a transbordar musicalidade. Para assinalar a data, temos "Bla Bla Bla", uma música que marca um ponto de viragem na sua carreira, seja a nível sonoro como visual.