“De: Catchupa, Para: Matapa”, a nova exposição fotográfica do Centro Cultural Franco Moçambicano

O Centro Cultural Franco Moçambicano (CCFM), em Maputo, recebe até ao dia 12 de Setembro a exposição coletiva de fotografia De: Catchupa, Para: Matapa, com a curadoria de Yassmin Forte e Silasse Salomone.

Trata-se de uma exposição que reune trabalhos de dez fotógrafos moçambicanos que participaram nas últimas edições da residência artística Catchupa Factory, em Cabo-Verde, e da qual falámos aqui – dirigida a fotógrafos e artistas emergentes dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP). Estão na lista Mauro Vombe, Nuno Silas, Yassmin Forte, Edilson Tomás, Emídio Jozine, Vladimir Sousa, David Aguacheiro, Tina Krüger, Filomena Mairosse e Silasse Salomone.

“De certa forma, a ilha de São Vicente (Cabo Verde) tem servido de palco onde são projetadas as inquietudes de cada um perante o mundo, a partir das suas experiências pessoais em Moçambique, e é essa ponte que pretendemos mostrar”, lê-se na nota descritiva da exposição.

Os trabalhos estão expostos nas grades exteriores do CCFM, possibilitando assim que todos que por lá passem vislumbrem as obras fotográficas, uma forma também de contornar as medidas restritivas impostas às casas de cultura, impostas pela pandemia.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Podes sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN através do email redacao@bantumen.com.

Equipa BANTUMEN
Equipa BANTUMEN
A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Deixa-nos a tua opinião

Artigos Relacionados
Mas como interagir com alguém que fala um idioma que desconhecemos? Danny Manu, um britânico de origem ganesa, criou a solução. Os Clik by Mymanu são uns fones de ouvido, sem fios, que podem traduzir vários idiomas automaticamente.
Este ano, a artista celebra 25 anos de carreira e mostra a fibra de que é feita, eclética, surpreendente e a transbordar musicalidade. Para assinalar a data, temos "Bla Bla Bla", uma música que marca um ponto de viragem na sua carreira, seja a nível sonoro como visual.
Em conversa com a BANTUMEN, Rubem Gomes, um dos fundadores da Associação Vegetariana Angolana, explicou que a decisão de criar a associação partiu do "sentimento de compaixão para com todos os seres", acreditando que os seres humanos ainda podem fazer do mundo um lugar melhor, enquanto existir respeito sobre os outros elementos da natureza.