PUB
Djodje

Antes do álbum, Djodje lança clipe de “Mininu Di Oru”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

“Mininu Di Oru” de Djodje já tem o seu clipe oficial disponível no YouTube, que conta com Sílvio Nascimento, Vanessa Lopes e Lucas D’Santiago (filho do cantor Dino D’Santiago) como protagonistas.

“Mininu Di Oru” é um registo arrepiante na voz de Djodje, que melodicamente é uma simbiose entre a música moderna e o batuque, um estilo musical tradicional de Cabo-Verde.

“Esta música fala dos dois lados da moeda da fama: o love e o hate, principalmente na perspetiva de uma mãe que na verdade sente muito mais do que nós, tanto o amor que nos dão como os ataques que por vezes recebemos”, explicou Djodje na sua conta do Instagram.

Protagonizado por Sílvio Nascimento, o videoclipe de “Mininu Di Oru” mostra a história de uma família que vive momentos de turbulência e que quase perderam um recém-nascido.

A música tem a letra e coros de Djodje Marta, Gerson Marta, Mário Marta, Kady Araújo, Alberto Konig, Diego Neves, Maju Marta, Jussara Spencer e Luciano Santos; guitarra acústica de Gerson Marta e um mast e mix de Carlos Juvandes e André Tavares, respetivamente. O video é um conceito de Djodje. e do seu team, Broda Music.

“Mininu Di Oru” faz a antevisão daquilo que será o próximo álbum do cabo-verdiano, depois de dois anos sem lançar um trabalho de originais.

Para a composição do álbum, Djodje foi até à sua terra natal, Ilha de Santiago, em Cabo Verde, para absorver a energia das pessoas e as suas tradições, sendo que o projeto é uma “materialização da conexão de Djodje a Cabo Verde”.

De acordo com um comunicado enviado à nossa redação, “nas músicas vamos poder encontrar nostalgia, reconhecimento pelos que o ajudaram a crescer enquanto artista e um agradecimento pelo que 20 anos de carreira significam para a sua evolução”.

“Numa reflexão sobre a importância da música, das minhas raízes e sobre o que representa 20 anos de carreira, o elemento que mais me caracteriza enquanto artista são as minhas raízes. É o que caracteriza o meu estilo, os ritmos presentes nos meus temas e é o que aquece com a minha música, o que a faz ganhar vida. E claro, ser embaixador da música africana, e não só mas também de Cabo Verde”, explica o artista.

Subscreve a nossa newsletter e fica a par de tudo em primeira mão!

PUB