PUB

O mês de março da Casa Independente é “Pretuguesa”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

A convite da Casa Independente, o Plano V (coletivo composto por Joanadágua, Lua Felina & Astronauta Mecanico), elaborou uma programação especial para o mês de março.

O célebre espaço cultural, localizado no Largo do Intendente, irá receber Plano V_Vénus em Libra, uma residência artística que vai acontecer durante todo o mês de março e que dará destaque a pessoas queer e mulheres negras para apresentarem poderosos trabalhos relacionados com as suas ascendências, ancestralidades e urgências.

A programação foi pensada pelo Plano V e vai ser dado destaque a pessoas queer e mulheres negras para apresentarem poderosos trabalhos relacionados com as suas ascendências, ancestralidades e urgências. No cartaz, vai ser apresentado ainda o MSP, cuja sigla significa Música Sensual Pretuguesa. O estilo traduz-se como sendo música eletrónica de dança, que se veste de uma potência interventiva, numa versão híbrida em que é afro futurista e “pretuguesa”.

A sinestesia da atuação do Plano V ocupa o território do poder sensual mixado com letras certeiras que falam de amor e da luta pelo colapso do cis-tema patriarcal. Joanadágua e a bailarina Lua Felina incorporam uma energia única usando o palco e a plateia como pista de intervenção e de dança. As performances são acompanhadas pelas projeções em tempo real da VJ Astronauta Mecânico, que vai lançando sobre as performances os visuais iluminados e eletrizantes criados ao vivo para cada tema.

Estão incluídas na programação perfomances, DJ sets, concertos, workshops, VJ sets, uma Kiki Ball de Vogue, uma exposição de pinturas e um leilão de arte.

O longo e diverso cartaz inclui nomes como Lolo Arziki, SoundPreta, Chima Hiro, Mel das Peras, entre vários outros.

Subscreve a nossa newsletter e fica a par de tudo em primeira mão!

No Comment.

Artigos Relacionados

Coleção Black Power

16,90 

PUB