PUB
representatividade
Mamdou Ba, Melissa Rodriges e Mauro Hermínio

Mamdou Ba, Melissa Rodriges e Mauro Hermínio juntos para debater a representatividade nas artes em Portugal

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O filme Soul, cuja estreia aconteceu no ano passado, levantou um debate público em Portugal sobre a representatividade e a diversidade no Cinema e nas Artes no país. Agora, por ocasião da estreia em Portugal do filme africano (Costa do Marfim) A Noite dos Reis, de Philippe Lacôte, a BANTUMEN e a Alambique (distribuidora de cinema) reuniram sinergias para reavivar um debate que muitos preferem silenciar.

Com a moderação da jornalista da BANTUMEN Marisa Rodrigues, o ativista e dirigente da SOS Racismo Mamadou Ba, a performer, arte educadora e ativista Melissa Rodrigues e o ator e encenador Mauro Hermínio vão dialogar, esclarecer e interrogar sobre a abertura do setor das artes em Portugal para um ecossistema plural em termos de cultura, narrativas e identidades, aproximando-se assim do panorama social português.

O evento gratuito acontece este domingo, 1 de agosto, em direto, com transmissão em simultâneo nas redes sociais da BANTUMEN – Facebook, Instagram, Youtube, Twitter e Twitch.

Sobre os convidados 

Mamadou Ba é ativista político antirracista e dirigente da associação SOS Racismo. Nasceu e cresceu no Senegal e visitava frequentemente a Guiné-Bissau, onde tinha família e interessou-se pelo português. Licenciou-se em Língua e Cultura Portuguesa pela Universidade Cheikh Anta Diop, em Dacar, e, em 1997, mudou-se para Portugal, onde frequentou um mestrado na mesma área, com uma bolsa do Instituto Camões. É membro fundador de associações antirracistas e de afrodescendentes, nomeadamente, a Associação Luso-Senegalesa, a Rede Anti-Racista de Portugal, a Diáspora Afrique e a Aliança das Pessoas Africanas e de Ascendência Africana na Europa, e integra outras, como a SOS Racismo, da qual é dirigente, e a Coordenação da Plataforma Afrodescendentes de Portugal.

Melissa Rodrigues é performer, arte-educadora e ativista. Tem desenvolvido a sua prática artística na área das artes visuais e em programação e curadoria. Licenciada em Antropologia pela UNL/FCSH, possuí pós-graduação em Performance pela FBAUP.
Como investigadora nas áreas da Performance e da Cultura Visual, tem desenvolvido pesquisa em Imagem e Representação do Corpo Negro – em colaboração com artistas visuais, cientistas sociais e performers. Integra o InterStruct Collective, a associação RAMPA, o NARP – Núcleo Anti-Racista do Porto e a UNA – União Negra das Artes.

Mauro Hermínio é ator e produtor de películas como Bué Sabi (2013), Mutant Blast (2018) e Pilot Season (2020). No pequeno écran, participou nas telenovelas “A Única Mulher”, da TVI, e “Vidas Opostas”, da SIC. Os primeiros passos como ator foram dados na Escola de Actores Impetus, Lisboa, entretanto, passou pela Escola Superior de Tecnologias e Artes de Lisboa para estudar artes performativas e, finalmente, ingressou na Escola Superior de Teatro e Cinema, também na capital portuguesa.

Subscreve a nossa newsletter e fica a par de tudo em primeira mão!

PUB