PUB
Marco Raposo (Designer Shisha Lounge) | ©BANTUMEN
Marco Raposo (Designer Shisha Lounge) | ©BANTUMEN

#MostraoTeuNegócio: Designer Shisha Lounge para conviver e servir de ateliê para novos negócios

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

A meio de uma pandemia, apesar de um balanço extremamente negativo, houve quem conseguisse dar a volta por cima e fazer um restart nas suas vidas pessoais e profissionais. Esta é a história do Designer Shisha Lounge, um negócio que nasceu durante a incerteza de crise sanitária e financeira:

Foi no dia dois de março de 2020 que a pandemia de COVID-19, chegou oficialmente a Portugal. No mesmo mês foi declarado o estado de emergência em todo o país. E no espaço de três meses, tornou-se obrigatório o uso de mascaras em espaços públicos, as escolas fecharam, as pessoas tiveram de ficar confinadas em casa, detidos foram soltos previamente, empresas faliram e muitos perderam familiares e amigos para uma doença ainda desconhecida.

Durante a quarentena e os vários confinamentos, mais precisamente no verão de 2020, Marco Raposo, Francisco Nunes, Naim Hassam e André Roberto, sentiram a necessidade de fazer algumas mudanças em prol da comunidade, dos jovens e da dinamização de uma zona, neste caso de Odivelas, nas Colinas do Cruzeiro, arredores de Lisboa. Quiseram criar um ponto de encontro onde as pessoas pudessem conviver, passar um bom bocado e esquecer, nem que fosse durante algumas horas, de tudo o que estava a acontecer à volta do mundo.

Depois de vários brainstormings, nasceu o Designer Shisha Lounge, onde o objetivo é juntar todos num espaço único – cumprindo com todas as regras do Serviço Nacional de Saúde – para que pudessem celebrar a vida, o facto de estarem vivos enquanto saboreiam os vários petiscos presentes no Menu da casa, acompanhados por uma Shisha.

O processo de abertura de um espaço nunca é fácil, mas a vontade que os quatros jovens tinham foi maior que toda a burocracia inerente à criaçao de um negócio. “Sem qualquer tipo de experiência em restauração ou de bar, decidimos embarcar nessa aventura, os quatro (…) Ainda por cima em 2020, o negócio da restauração foi muito prejudicado devido ao Covid e de todas as normas, mas sobrevivemos e estamos aqui hoje para contar a nossa história”, explica-nos Marco Raposo, um dos fundadores do Designer.

A Shisha tem origem no Oriente. Uma das versões da sua origem é que teria sido inventada na Índia do século XVII, pelo médico Hakim Abul Fath, como um método para retirar as impurezas do fumo. Quando chegou à China, passou a ser utilizada para fumar ópio, e assim permaneceu até à revolução comunista, no fim da década de 1940. Na mão dos árabes, o cachimbo de água foi rapidamente incorporado para ser apreciado em grupo, acompanhado de café e prosa.

Um dos motivos pelo qual o grupo de empreendedores decidiu que a Shisha seria o produto certo a servir aos seus clientes foi a partilha, algo quase raro em tempo de pandemia. Embora tenham sido influenciados pelos vários bares de Shisha que foram vendo abrir e com vários conceitos, quiseram “apostar e criar algo único”.

Marco acrescenta que o que marca a diferença do Designer é a qualidade de serviço e a preocupação com a satisfação do cliente. Além disso, “tentámos ainda dar uma opção à comunidade muçulmana da zona de Odivelas [e não só], sendo que toda a nossa comida é halal”.

O Designer Shisha Lounge quer também ser um ateliê para jovens empreendedores, para elevar pessoas com as suas próprias marcas, um espaço de partilha de ideias e exposição das mesmas. Estão abertos para novas parcerias e colaborações, desde que seja em prol da comunidade e dos jovens, para que o trabalho de cada um seja dignificado.

Vê abaixo a entrevista na integra.

Subscreve a nossa newsletter e fica a par de tudo em primeira mão!

No Comment.

Artigos Relacionados

PUB