PUB
Dj Ritchelly - Raízes | DR
Dj Ritchelly - Raízes | DR

DJ Ritchelly lançou nova obra prima com essência PALOP

Ritchelly acaba de disponibilizar Raízes, a sua nova obra prima que cruza musicalidades e nomes de referência dos PALOP. O trunfo deste primeiro álbum do DJ e produtor é também o facto de juntar artistas da antiga e novas gerações.

Depois de ter lançado uma série de EPs e mixtapes e de ter sido anfitrião de vários em projetos de outros artistas, surge então este Raízes, que é uma viagem sonora entre diferentes estilos musicais.

Rap, r&b, trap soul, trap, afrobeats, drill entre outras sonoridades alternativas são a essência do álbum, mas há também uma forte presença do kuduro, com por exemplo a música “Do Manganza”, dos Vagabanda, usada em “Modo Kuduro”, dropada por Ciri, KV Monster, Ney Chiqui e Sadath.

“Raízes é um álbum que vem dar luz às minhas ideias, onde tenho como foco principal mostrar a musicalidade que cresci a ouvir, criando uma sinergia entre o passado e o presente. Este é também o meu contributo como DJ e produtor, à galeria angolana de música, homenageando os pioneiros e fazendo atualização e modernização dos registos da sonoridade atual angolana”, explicou Ritchelly à BANTUMEN.

Ao todo, são 14 faixas que contam com as vozes de 26 artistas, sendo que 22 são angolanos e quatro são provenientes de outros países.

De Angola, Ritchelly chamou Jackes Di, Rigoberto Torres, Tennaz, Trinity, Emana Cheezy, Jessy Nunes, Spike Lean, Liu Kid, Lil Drizzy, Gianni Stallone, A’Aires, Wilca Vicente, Briisa, Papekas, Lord Ck, Juelson Marcos, Sidjay, Sadath, Daboless e SOF. Há ainda Missy Bitty e Tino OG da Guiné Bissau, Macaia de Portugal e Jay Arghh de Moçambique.

Para a realização do Raízes, o DJ teve o apoio de uma equipa técnica formada por Davinci, Angelina Narciso, Black Mind e Jovenal Antena.

O trabalho de engenharia de son estive nas mãos de Camufingo, Vava Deceptikons, Shano Master Mind; a parte da instrumentalização esteve à responsabilidade de SandroBeatz, Ciro M, Jackes Di, Macaia, BCPX e Supa Beat.

O projeto começou a ser promovido com “Melaço”, uma música que conta com as vozes do atual detentor do melhor R&B\Soul de 2021 pelos Angola Music Awards, Sidjay, e do rapper Rigoberto Torres.

Subscreve a nossa newsletter e fica a par de tudo em primeira mão!

PUB