PUB

Eva RapDiva faz “Tudo de Novo” na companhia de Gerilson Insrael

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Mais reverente do que nunca, Eva RapDiva retorna forte, confiante e incisiva com “Tudo de Novo”, o novo single em parceria com Gerilson Insrael. A música viaja pelo Zouk e a letra centra-se num relacionamento que não tem mais “pernas para andar” e no empoderamento feminino.

Em conversa com a BANTUMEN, a rapper descreveu o processo de encontrar a melhor voz para os versos que tinha composto, numa conjuntura com o produtor Bruma Boy, com quem já tinha trabalhado na música “Final Feliz” com Landrick. A artista diz ter sido um longo período de escolha entre várias demos.

Apesar do beat perfeito, o mais difícil foi achar o artista que mais conexão teria com a música, e que cuja voz e personalidade encaixassem na perfeição com o refrão. De muitos nomes sugeridos, Gerilson Insrael foi o mais óbvio. O sucesso súbito do cantor fundamentou a escolha de Eva. “Ouvi muitas coisas do Gerilson e adorei e percebi realmente que é o artista que poderia ficar melhor com o refrão e convidei-o. Ele prontificou-se logo. Ouviu e identificou-se logo com a música”, explicou a Diva.

Já gravada, a música acabou por ser engavetada. Eva estava céptica quanto ao refrão e acabou por depois a regravar várias vezes até chegar à versão final, no ano passado. A música tal como a conhecemos hoje foi gravada em Lisboa, depois de várias complicações impostas pelas restrições de biossegurança face à pandemia.

O videoclipe, estreado nesta sexta-feira, 4, foi realizado pela BlackRose, com direção de fotografia de Sebastião e produção executiva de Eva RapDiva.

RapDiva falou-nos também sobre esta fase em que tenta diversificar as sonoridades da sua música, vagueando entre o hip hop, a Kizomba e o Zouk. “Experiência”, como a própria intitula, que tem feito desde as últimas duas obras discográficas. A artista referiu também que o facto de trabalhar com nomes como Ary, Landrick, Heavy C e JP, ajudaram-na nesse processo e a “aprimorar a forma de o fazer”.

A frontalidade e transparência nas suas abordagens fazem-na não se importar com a forma como é vista pelos colegas no universo Hip-Hop. “Como angolana, penso em congregar estilos bons para mim e não será um ritmo português ou angolano que vai definir-me. Quem vai definir-me sou eu e sei perfeitamente o que sou e o que são as sonoridades que vou buscar e que estão associadas à pessoa que sou, luso-angolana”, comenta.

Este só é o pontapé de saída do próximo projeto de Eva RapDiva para entregar aos fãs. O aguardado EP tem sido produzido por vários produtores, em especial OG Vuino, que tem sido o mentor da rapper em estúdio. Nos seus próximos trabalho, Eva vai contar com participações de peso, uma delas, nada mais, nada menos que Sara Tavares.

Quando questionada se sente-se pressionada por não lançar novas músicas constantemente, a artista responde prontamente que não, embora agradecer pelo fato de a pressão existe porque as pessoas querem mais de si. “Se não estiver confortável a 100% as coisas podem não resultar. O melhor momento em que decido lançar uma música é por influência minha e não por decisão externa”, completou.

Subscreve a nossa newsletter e fica a par de tudo em primeira mão!

No Comment.

Artigos Relacionados

PUB