Procurar
Close this search box.

Quando as crises não têm juízo, a comunicação é que paga

opinião

As crises, como grande parte das coisas da vida, são cíclicas. Enquanto por um lado há uma espécie de sentimento fulminante que faz com que os consumidores abracem as causas das marcas, há, por outro lado, um fenómeno, igualmente fulminante, que faz com que algumas polémicas sejam esquecidas. 

Isto para afirmar que, a comunicação é um processo que sofre as alterações normais de qualquer ecossistema e está por isso susceptível a um maior ou menor investimento. A verdade é que há marcas que vêem na comunicação uma forma de responder a ciclos menos bons, apostando em campanhas diferenciadas, chegando inclusive a ‘abrir’ o jogo sobre as situações menos boas. 

Tomemos o exemplo do McDonald’s. Em tempos, no Canadá, estavam com problemas de notoriedade e apostaram numa campanha em que mostravam as diferenças entre a comida na vida real e as imagens de campanha. Aqui.

À partida, a não comunicação corre sempre pior do que a comunicação aberta e honesta por parte das marcas. No entanto, há a tendência para que este seja o primeiro departamento a morrer dentro das empresas. Esquece-se a comunicação interna, esquece-se a relação com os clientes e esquecem-se os laços criados com os parceiros, tanto de media como de negócio. 

Muitas vezes, o que acontece é que a falta de métricas cria a ilusão de que o investimento em comunicação cai em saco roto:

‘Não se sabe quem leu.

Não se quantifica quem assistiu.

Não se responde a tudo.’

Errado. Parte às empresas ajustar a comunicação ao momento que se está a viver, já que daqui a cinco anos aquela marca pode sentir falta do público que não foi exposto à comunicação feita por si. 

Não seria a primeira vez e não será com certeza a última. 

Relembramos-te que podes ouvir os nossos podcasts através da Apple Podcasts e Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis no nosso canal de YouTube.

Para sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN, envia-nos um email para [email protected].

Recomendações

Procurar
Close this search box.

OUTROS

Um espaço plural, onde experimentamos o  potencial da angolanidade.

Toda a actualidade sobre Comunicação, Publicidade, Empreendedorismo e o Impacto das marcas da Lusofonia.

MAIS POPULARES