Procurar
Close this search box.

MIL 2023 com foco na crise financeira, saúde mental e sustentabilidade

Reinel Bakole, no B.Leza, no MIL 2022 | ©Mariana Alvarez Cortez
Reinel Bakole, no B.Leza, no MIL 2022 | ©Mariana Alvarez Cortez

A cidade de Lisboa prepara-se para receber o MIL (Music Industry Lisbon), um evento multifacetado, que abrange desde a música ao vivo até questões culturais e políticas. A acontecer de 27 a 29 de setembro, a edição deste ano tem como foco a crise financeira, saúde mental, sustentabilidade, responsabilidade ambiental das instituições e a descentralização da oferta cultural com o objetivo de explorar novas ideias e perspetivas transformativas.

O evento é composto por diferentes facetas, cada uma contribuindo para a sua diversidade e impacto. Os principais pilares incluem um festival, com um programa que apresenta as novas tendências da música popular atual, com um foco especial na produção musical dos países de língua portuguesa. Ao todo, sãocerca de 50 atuações em locais emblemáticos do Cais do Sodré, incluindo o Musicbox, Roterdão, Estúdio Time Out, Lounge, Titanic Sur Mer, B.Leza e Lisa.

O cartaz inclui nomes como Black Pantera (BR), Éllàh Barbosa (PT/CV), Libra (PT), Papillon (PT) e William Araújo (CV).

Quanto à convenção, inlcui formação, debate, negócios e encontros entre profissionais da cultura. Com aproximadamente 50 atividades, a convenção é uma plataforma para a troca de ideias e conhecimento.

A edição deste ano do MIL será marcada por discussões relevantes que refletem os desafios atuais e o futuro da música ao vivo e da cultura. Os temas abordados serão: “Como reparar o touring em tempos de crise financeira e de saúde mental?”; “Questionando o mercado de festivais de música”; “Como descentralizar a oferta cultural em Portugal?”; “Tour Sustentável: música para um futuro mais verde?”

Desde sua primeira edição em 2017, o MIL tem demonstrado um crescimento visível. O evento inicial contou com mais de 50 showcases e cerca de 1500 espectadores. Na edição mais recente, 2022, esse número triplicou, com a participação de 920 profissionais de 18 países e a presença de 265 artistas em 78 showcases distribuídos por 8 salas no Cais do Sodré. Além disso, ofereceu 69 debates, masterclasses, conferências, workshops e reuniões, fortalecendo ainda mais a rede profissional do setor da música.

Os bilhetes para o evento podem ser adquirido através deste link.

Relembramos-te que podes ouvir os nossos podcasts através da Apple Podcasts e Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis no nosso canal de YouTube.

Para sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN, envia-nos um email para [email protected].

Recomendações

Procurar
Close this search box.

OUTROS

Um espaço plural, onde experimentamos o  potencial da angolanidade.

Toda a actualidade sobre Comunicação, Publicidade, Empreendedorismo e o Impacto das marcas da Lusofonia.

MAIS POPULARES