PUB
Valentino De La Vega

Valentino De La Vega, o maior alter ego de Moçambique

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Valentino De La Vega é o heterónimo mais importante de Kevin Marrengule, um rapper e compositor moçambicano que também anda a par e passo com os seus outros dois alter egos: Dollarsorryens e Kae Em.

Nas últimas semanas, o rapper fez chegar às plataformas de streaming o álbum Rasgamenta, composto por 21 faixas musicais e totalmente produzido, misturado e masterizado pelo próprio artista.

Este é o terceiro álbum discografico de Valentino De La Vega, que sucede ao Clube do Matabicho: Do Lico Prao Luxo, lanço em abri deste ano e à sua versão do mesmo projeto, lançada em 2020.

Estive à conversa com o artista, via teleconferência através da plataforma Zoom Meetings, que aceitou prontamente o convite para apresentar-se ao público da BANTUMEN.

Durante a conversa com Kevin Marrengule, no 22.º episódio da quarta temporada de BANTUMEN Podcasts, o rapper explicou como surgiram os alter egos e como Valentino De La Vega passou a ser o mais conhecido.

Além de contar todo o processo criativo do álbum Rasgamenta, que durante a minha audição cheguei a pensar que teria alguma falha na mistura ou na masterização, o rapper esclareceu que toda a sonoridade está como ele pensou exatamente. Ao todo são 21 faixas que totalizam a soma de 33 minutos de música que terminam num estante.

Valentino De La Vega nasceu com um experimento musical que transportou Kevin das lides do Boom Bap para o trap. Da mesma forma que, desde os 17 anos até aos finais de 2010, o artista estudou tudo sobre o Boom Bap, agora tem vindo a estudar tudo sobre o trap, não apenas no contexto musical mas também no contexto histórico, passando pelos principais impulsionadores do trap norte-americano, como Gucci Mane, até aos clubes de strippers como Magic City ou o Blue Flame Lounge, ambos na cidade Atlanta, EUA, e que são responsáveis pelo sucesso musical de Future ou de Gunna.

Esta conversa de Valentino De La Vega serve também para termos em conta a nova musicalidade e os novos artistas da cultura hip-hop de Moçambique, num período pós Sameblood, onde cabem nomes como Djimetta, King Cizzy, Kiba The Seven ou Cooliebadboi.

A conversa está disponível em formato podcast no Spotify, SoundCloud, Apple Podcast e em vídeo no Instagram da BANTUMEN e YouTube.

Subscreve a nossa newsletter e fica a par de tudo em primeira mão!

No Comment.

Artigos Relacionados

Janine Rodrigues

20,90 

PUB