Procurar
Close this search box.

Yola Araújo, Anna Joyce e DJ Sara Santini celebram empoderamento feminino em Luanda

A estrela da música angolana Yola Araújo foi a embaixadora do movimento #CAMINHACOMELA, que aconteceu no Club S, em Luanda, no passado fim de semana. Com o objetivo de celebrar o empoderamento feminino, desta vez com especial atenção para a indústria musical, participaram também do evento as artistas Anna Joyce e a DJ Sara Santini.

Este foi apenas um dos eventos da celebração que vai continuar ao longo do ano, com a criação de oportunidades e os apoios para as mulheres da indústria.

Yola Araújo ofereceu um prémio exclusivo de mentoria à vencedora de um concurso que aconteceu nas redes sociais da Johnnie Walker, marca patrocinadora da iniciativa. O prémio vai permitir à vencedora passar algum tempo com a artista, presenciar sessões de filmagens, desenvolvimento de conteúdos, sessões de gravação em estúdio e estar no set do próximo videoclipe da artista. O objetivo é permitir à jovem aprender a dinâmica e os truques da profissão.

Vale a pena sublinhar que as mulheres desempenham um papel significativo na economia angolana, detendo 35% dos negócios do país, a maior percentagem per capita do mundo. No entanto, isto ainda não se traduz na realidade da indústria musical do país, que é maioritariamente dominada por homens.

“É importante que as mulheres acreditem em si mesmas, tenham paixão pelo que fazem e estejam abertas a melhorias contínuas a todos os níveis. Espero que, ao inspirar e motivar outras mulheres, mais artistas femininas sejam trazidas para o espaço musical. É assim que tomamos o nosso poder para avançar e crescer”, disse Yola Araújo.

Considerada um dos maiores nomes da música angolana, Yola conhece em primeira mão os desafios que as mulheres enfrentam na indústria musical. “A parceria entre Yola Araújo e Johnnie Walker mostra como é importante investir no talento feminino e empoderar as mulheres para o sucesso. Ao dar apoio e orientação, podemos ajudar as mulheres a superar os obstáculos que enfrentam em indústrias dominadas por homens e, assim, apoiar o desenvolvimento de economias e negócios bem-sucedidos”, diz Adrian de Wet, gestor de marketing da House of Walker.

Relembramos-te que podes ouvir os nossos podcasts através da Apple Podcasts e Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis no nosso canal de YouTube.

Para sugerir correções ou assuntos que gostarias de ler, ver ou ouvir na BANTUMEN, envia-nos um email para [email protected].

Recomendações

Procurar
Close this search box.

OUTROS

Um espaço plural, onde experimentamos o  potencial da angolanidade.

Toda a actualidade sobre Comunicação, Publicidade, Empreendedorismo e o Impacto das marcas da Lusofonia.

MAIS POPULARES