PUB

O circuito que todos os homens deveriam fazer nos dias de descanso

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Pensas que os dias de descanso são para descansar? Então estás a fazer tudo errado.

Agora, não estamos a dizer que tens de fazer exercícios durante horas nos teus dias de descanso. Mas tens de te mexer.

Se queres mesmo mudar o teu corpo, queres te sentir melhor e ter vitórias na balança, então dias de descanso “activos” são o truque.

Afinal, tu és apenas tão forte, quanto a permissão que dás ao teu corpo para recuperar.

Isto também serve para aqueles homens que se “matam” no ginásio diariamente, os teus músculos precisam de descanso.

Aqui está o que os teus dias de descanso devem incluir:

  1. Marca áreas problemáticas comuns como fraca mobilidade torácica, fraca mobilidade dos tornozelos, flexores do quadril, fraqueza de coxas e glúteos.
  2. Eleva o teu ritmo cardíaco e ajuda-te a transpirar — sem o stress adicional que vem do trabalho cardiovascular tradicional, como correr. (Cardio não tem de “comer” e mandar a baixo os teus ganhos musculares. Fazer exercícios aeróbicos tradicionais pode encorajar uma recuperação activa — assim como pode elevar o teu ritmo cardíaco.)
  3. Promover o fluxo de sangue para as zonas doloridas ou rígidas.
  4. Preparar o teu corpo para o próximo dia de treino sem causar fadiga.
  5. Fazer-te sentir como um milhão de dólares.

Praticar cardio de baixo impacto, lento e constante, que mantém o teu ritmo cardíaco entre os 120 e 140 batimentos por minuto, tem mostrado ser fundamental para aumentar o fluxo sanguíneo, diminuir a dor, reiniciar o teu sistema nervoso central e ajudar o teu corpo a se adaptar a novos treinos, assim, serás mais forte e melhor na sala dos pesos.

Se o cardio não é a tua cena, descobrimos que o circuito que se segue atinge os 5 pontos descritos acima. O treino envolve 10 exercícios de mobilidade corporal que podes fazer em qualquer lugar.

Mas podes escolher quaisquer movimentos de mobilidade e depois formares um circuito. Basta que treines os pontos mais fracos do teu corpo e garantas que os pontos acima são cumpridos. A coisa mais importante a teres em mente: isto não deve ser difícil. Faz com calma e para o teu bem.

Como fazê-lo? Treina cada exercício numa ronda. Assim que finalizares os 10 movimentos, descansa 60 a 90 segundos. Isto é uma ronda. Faz 3 a 5 rondas no total.

Faz este circuito 2 vezes por semana, durante um mês e garantimos que verás diferença no treino.

  1. Agachamentos com haltere, 8 repetições.
  2. Circuito de flexões de yoga, 3 repetições para cada lado. 
  3. Shin box , 5 repetições para cada lado.https://www.youtube.com/watch?v=j8j9ULifyas
  4. TRX ronda invertida, 10 repetições.
  5. Agachamento lateral com peso, 5 repetições para cada lado.
  6. Exercícios com peso deitado , 5 repetições para cada lado.
  7. Elevação de perna, uma de cada vez, apoiando as costas num banco, a elevação da perna é feita com uma das pernas e suportada pelos glúteos e costas, atenção para manteres sempre as costas direitas, repete 10 vezes para cada perna.
  8. Alongamento de perna com torção de tronco, 8 repetições para cada lado.
  9. Elevação turca, 1 repetição para cada lado.
  10. Passada de crocodilo: posição de flexões, deslocar com os braços apenas, suportando todo o peso do corpo, aguenta por 15 segundos.

Subscreve a nossa newsletter e fica a par de tudo em primeira mão!

No Comment.

Artigos Relacionados

Coleção Black Power

16,90 

PUB