PUB
Mota Jr
Mota Jr

Três homens e uma mulher acusados da morte de Mota Jr

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Edi Barreiros, João Luizo, Fábio Martins e Catarina Sanches são os quatros suspeitos da morte do rapper Mota Jr, acusados pelo Ministério Público de Sintra.

A acusação defende que os três principais suspeitos se mantenham em prisão preventiva, enquanto a jovem de 22 anos fique em domiciliária.

O objetivo do crime premeditado era roubar o artista, mas este veio a morrer em consequência da gravidade das suas agressões. Catarina Sanches, inicialmente referenciada como a única testemunha do caso, foi alegadamente o isco do plano, tendo-se aproximado de Mota para ganhar a sua confiança. Ao todo, o crime rendeu-lhes 1600 euros, de acordo com o avançado pela imprensa portuguesa que teve acesso à documentação da acusação.

No dia 14 de março, Catarina e David Mota terão combinado encontrarem-se em Oeiras. Dali partiram para a casa do rapper, em São Marcos, parando antes no McDonald’s. Chegados ao prédio onde o artista morava, de acordo com o despacho de acusação, depararam-se com Edi Barreiros, João Luizo e Fábio Martins, que se encontravam escondidos. De imediato, apontaram uma arma de fogo ao casal, ordenando a Catarina para “sair dali”, começando a agredir violentamente David Mota.

Perante os gritos de Mota, os suspeitos decidiram retirar a vítima de dentro do edifício, levando-o até a um túnel nas imediações, onde o continuaram a agredir. Com o músico inanimado, o grupo atou-lhe as mãos e os pés, sendo que voltou a entrar no prédio para subir ao apartamento da vítima e roubar objetos de valor. Porém, devido à presença de duas moradoras, desistiram do plano.

Com o rapper na bagageira, os suspeitos regressaram às respetivas casas, trocando de roupa e voltaram a rua para levar o corpo de David Mota até Sesimbra, onde o abandonaram. No dia 15 de março, já com a família do músico a dar conta do desaparecimento deste, Edi Barreiros, João Luizo e Fábio Martins regressaram à casa de David Mota e roubaram vários objetos em ouro que, nesse mesmo dia, tentaram vender em várias lojas.

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.

Subscreve a nossa newsletter e fica a par de tudo em primeira mão!

No Comment.

Artigos Relacionados

Dolph Banza

8,00 

PUB